top of page
  • Foto do escritorrmterapiasclinica3

A Fisioterapia Na Melhor Idade!

Atualizado: 24 de abr. de 2023






Será que todos nós estamos preparados para viver na terceira idade a partir dos 60 anos?


Olá! Tudo bem? Espero que sim!

Todas as fases da vida são importantes. São diversas fases da "melhor idade" em que podemos gozar de momentos prazerosos mas, desde que tenhamos a consciência de que para funcionarmos corretamente precisamos nos cuidar, seja na idade mais jovem ou na idade mais avançada. Então, vou comentar aqui um pouco sobre o tema de hoje! Vamos ler juntos?!


A fisioterapia atua nesta questão com profissionais cada vez mais preparados e preparando-se para uma demanda bastante significativa.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), declarou que a população mundial acima de 60 anos vai passar dos atuais 841 milhões para 2 bilhões até 2050.



No Brasil, segundo Jornal da USP (2018), o Ministério da Saúde divulgou dados informando que o grupo de idosos de 60 anos, ou mais, será maior que o grupo de crianças com até 14 anos já em 2030.


Desta forma, a necessidade de observar melhor essa população de idosos e as mudanças que acompanham o envelhecer com o avanço da idade pode gerar transtornos neurológicos, ortopédicos e psicológicos. Os principais transtornos que podem acometer são: Acidente Vascular Encefálico (AVE), doença de Parkinson, esclerose múltipla, artrite reumatoide, osteoartrite, além de possíveis transtornos emocionais como medo, ansiedade, isolamento, tristeza, ou até mesmo a depressão, etc.


"O acompanhamento fisioterápico é 'Promoção da Saúde' e 'Prevenção de Acidentes'."

O processo natural do envelhecimento acarreta alterações funcionais e orgânicas de forma progressiva. Podendo citar, por exemplo, as disfunções musculoesqueléticas, diminuições do equilíbrio, agilidade e mobilidade articular que aumenta a possibilidade de sofrer quedas.

É comum que o idoso (a) passe a ter receios de sofrer algum tipo de queda ao caminhar ou enquanto está em pé, causando um sentimento de preocupação por pensar na possibilidade de sofrer algum acidente, sobretudo, quando tal evento já acorreu anteriormente. Isso pode desencadear consequências negativas à qualidade de vida do idoso (a), seja quanto à funcionalidade física e/ou psicológica. E, sendo assim, é necessária uma abordagem multidisciplinar com o apoio de nutricionistas, enfermeiros, psicólogos, fisioterapeutas, médicos, assistentes sociais, etc.


A Fisioterapia utiliza-se de técnicas como a cinesioterapia e hidrocinesioterapia, entre outras técnicas, para ganho de força, amplitude de movimento e equilíbrio do individuo. A cinesioterapia é uma terapia através do movimento que busca melhorar a funcionalidade articular mantendo ou aumentando os níveis de flexibilidade dos idosos. São movimentos físicos planejados que podem ser realizados em atendimento individual ou em grupo sempre com acompanhamento de um profissional habilitado.


Já os exercícios em hidrocinesioterapia tem uma grande importância na prevenção, manutenção e na melhora da funcionalidade do individuo. São exercícios realizados na água quente (na piscina) que leva a diminuição do estresse biomecânico nos músculos e articulações. Melhora a circulação sanguínea, atua no relaxamento muscular, ganho de força muscular, amplitude de movimentos, aumentando a confiança e a capacidade funcional e tendo diminuição do nível de dor, levando ao um equilíbrio físico e emocional que o deixa mais confortável e confiante para as atividades da vida diária.


"O apoio da família é fundamental na adaptação ao envelhecimento. Isso é acolhimento, isso é um ato de amor, isso é 'viver na melhor idade'!"


Sendo assim, senhoras e senhores, a ordem é mexam-se, dancem, caminhem, pratiquem natação, andem de bicicleta, participem de atividades em grupos ou frequentem academia, e tudo mais que puder levá-los a colocar seu corpo em movimento. Ainda que pratiquem apenas uma dessas sugestões, saiba que a qualidade de vida, no dia a dia, poderá ser muito mais rica na questão de mais independência pessoal e confiabilidade em si mesmo. Adaptar-se ao envelhecimento com ajuda da fisioterapia, e demais profissionais, pode melhorar significativamente o seu bem-estar geral.


Obrigado pela companhia!

Abraços!



_____________________________

AGRADECIMENTO

A RM agradece a participação da senhora Satico Sussuki (mãe do fisioterapeuta que escreveu este artigo), pelas fotos cedidas praticando exercícios físicos na academia, melhorando sua qualidade de vida e bem-estar, frequentemente! Muito obrigado!

116 visualizações

ความคิดเห็น


bottom of page